Para muitos empreendedores a gestão financeira é uma das práticas mais complicadas, principalmente porque envolve o controle preciso das contas da empresa e a administração de muitos recursos diferentes, sendo que qualquer erro pode causar grandes prejuízos.

Cuidar das finanças de uma empresa realmente exige muitos cuidados, e justamente por isso é que os empresários precisam conhecer muito bem sobre o mercado financeiro e sobre a administração financeira para gerar resultados favoráveis e garantir a lucratividade.

E hoje você irá conhecer as melhores práticas de gestão financeira que podem ajudar sua empresa a crescer e ter muito sucesso no seu mercado, e que podem ser aplicadas em empresas que estão iniciando, mas também nas que já têm anos de funcionamento.

1. Reconheça a situação financeira atual

A base de qualquer mudança na gestão financeira sempre será a análise da situação. Sem esse conhecimento não será possível projetar cenários e planejar ações.

É importante conhecer profundamente a situação real da empresa para identificar quais ações precisam ser tomadas. É preciso avaliar os pontos positivos e negativos da empresa, o tempo de mercado, os produtos ou serviços oferecidos, o público-alvo e diversos outros aspectos que compõem o perfil da empresa.

A organização é uma grande aliada nessa etapa de mapeamento dos ativos e passivos do negócio. Após essa fase estar completa, o empresário estará apto a tomar decisões e identificar as mudanças necessárias.

2. Projete cenários diferentes

Um bom planejamento permite preparar a empresa para lidar com qualquer situação.

Com os dados obtidos na etapa de análise de mercado e de situação, você será capaz de identificar os cenários possíveis e de criar projeções para a empresa considerando cada possibilidade.

É importante ter um levantamento detalhado de todas as despesas fixas e variáveis, que permita um alinhamento da estrutura de gastos, além da criação de metas e de um ciclo operacional que permita o cumprimento delas.

3. Cuidado com a formação de preços

Os preços dos produtos ou serviços estão diretamente relacionados ao lucro que a empresa conseguirá obter em determinado período, e quando ele é calculado de maneira incorreta pode comprometer os resultados do negócio.

Para identificar o preço ideal de um produto ou serviço é essencial identificar todos os custos envolvidos. O preço cobrado deve ser suficiente para cobrir todas as despesas e ainda deixar uma margem de lucro satisfatória.

Também é preciso considerar a situação de mercado e os preços praticados nele.

4. Considere a ajuda de uma consultoria

A rotina do empreendedor é bastante corrida e exige atenção a diversos setores diferentes, não apenas o controle financeiro, e algumas vezes é difícil dar a devida importância a cada um deles.

Por isso, dependendo da situação empresarial e da rotina do empresário, pode ser interessante contar com a ajuda de um serviço de consultoria que permitirá a análise completa de todos os aspectos e a identificação clara dos problemas e oportunidades do negócio.

Um olhar experiente, de fora, pode ser exatamente o que a sua empresa precisa para desenvolver práticas importantes que comprometem a gestão financeira.

5. Utilize um software de gestão empresarial

Com a rotina atribulada pode ser difícil lembrar-se de registrar cada gasto efetuado, ou cada venda concretizada, mas quando você usa um software de gestão empresarial, todas as informações podem ser registradas e compartilhadas automaticamente com cada setor responsável.

Dessa forma é possível controlar o fluxo de trabalho em uma única solução, proporcionando mais facilidade no controle dos recursos empresariais, inclusive financeiro, permitindo que o negócio seja percebido por inteiro.

Com esse tipo de software, também conhecido como ERP, você consegue identificar as ações que geram resultados mais rapidamente.

6. Reduza os custos excessivos

O aumento da lucratividade normalmente está mais relacionado com a redução de custos do que com o aumento das vendas.

Avalie continuamente como os custos operacionais da sua empresa podem ser reduzidos. Essa é a forma de aumentar a margem de lucro e poder competir no mercado, se destacando diante dos concorrentes.

Mas não é qualquer custo que pode ser cortado. É preciso uma análise minuciosa sobre quais deles podem ser reduzidos ou eliminados sem comprometer a qualidade dos produtos ou serviços.

As práticas de gestão financeira exigem o controle dos recursos da empresa e muita organização. Cabe ao gestor avaliar suas necessidades e identificar a melhor maneira de conseguir os resultados esperados, encontrando as melhores soluções para o negócio.

CONTATE NOSSOS ESPECIALISTAS!